Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Tete Magazine

Atualidade, Sociedade, Economia, Desporto

Tete Magazine

Atualidade, Sociedade, Economia, Desporto


W3.CSS

19.Jul.18

Angola encaixa €5 mil milhões em receitas fiscais em apenas seis meses de 2018

Petroleo

 O petróleo exportado por Angola rendeu aos cofres do Estado, em seis meses, o equivalente a 5.000 milhões de euros, mais de 60% da previsão governamental para 2018 e quase tanto como em todo o ano de 2017.

A informação resulta de uma análise da agência Lusa a vários relatórios do Ministério das Finanças sobre as receitas com a venda de petróleo, que em seis meses de 2018 já totalizam 273.875.036 de barris exportados.

 No Orçamento Geral do Estado (OGE) para 2018, o Governo angolano inscreveu uma previsão de exportar, em todo o ano, 620 milhões de barris de petróleo, pelo que até junho essa meta está a menos de 45%.

 Em termos de receitas fiscais, em meio ano, o Estado angolano encaixou 1,470 biliões de kwanzas (5.000 milhões de euros, à taxa de câmbio atual). Contudo, este resultado é influenciado pela depreciação do kwanza, em 37%, face ao euro, desde janeiro.

 Em todo o ano de 2016, as receitas fiscais com a exportação petrolífera renderam aos cofres de Angola 1,3 biliões de kwanzas e em 2017 pouco mais de 1,6 biliões de kwanzas, devido à quebra na cotação internacional do barril de crude.

 Para todo o ano de 2018, o Governo angolano inscreveu no OGE uma previsão de encaixar 2,4 biliões de kwanzas (8.150 milhões de euros, à taxa de câmbio atual) com as receitas fiscais provenientes da exportação de petróleo, pelo que até junho já ultrapassou os 60% dessa meta.

 No total, Angola vendeu entre janeiro e junho deste ano quase 18.500 milhões de dólares (15.930 milhões de euros) em petróleo.

 

Compartilhar: