Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Tete Magazine

Atualidade, Sociedade, Economia, Desporto

Tete Magazine

Atualidade, Sociedade, Economia, Desporto


W3.CSS

05.Jul.18

António Costa visita Porto de Maputo


Pouco depois da realização da III Cimeira Bienal entre Moçambique e Portugal, que decorreu esta quinta-feira em Maputo, o Primeiro-ministro português, António Costa, seguiu para o Porto de Maputo, onde tinha uma visita agendada, para inteirar-se do seu funcionamento.No local, alguns empresários portugueses foram chamados para falar do trabalho que têm realizado no país, particularmente no porto. 

“Estamos a executar as obras com qualidade e no prazo previsto”, disse o representante da Mota-Engil.Segundo a Companhia de Desenvolvimento do Porto de Maputo (MPDC), concessionária do porto, operam no local, cerca de 40 empresas.As empresas portuguesas exportaram para Moçambique entre Janeiro e Abril deste ano 54,5 milhões de euros em produtos, contra 58,3 milhões de euros no período homólogo, segundo o Observador. 

 Ainda de acordo com o Observador, no ano passado, Moçambique situou-se como o 34º maior cliente de Portugal e o 68º fornecedor de bens, tendo vindo também a diminuir o seu peso no total das importações e exportações nacionais. E a balança comercial de bens e serviços com Moçambique é tradicionalmente favorável a Portugal, registando em 2017 um saldo de 245 milhões de euros, contra 340 milhões de euros em 2016 e 511 em 2015, segundo dados do Banco de Portugal fornecidos pela Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal. 

 “Na base de dados da AICEP Maputo, estão inscritas aproximadamente 500 empresas de capitais portugueses, na sua maioria de pequena e média dimensão. No sector do turismo, dados do Banco de Portugal indicam que as receitas de turismo de Moçambique em Portugal aumentaram no ano passado, tendo-se situado nos 61,1 milhões de euros em 2017, uma variação positiva de 4,3% em relação ao ano anterior”, indicam os dados do Observador.
Compartilhar: