Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Tete Magazine

Atualidade, Sociedade, Economia, Desporto

Tete Magazine

Atualidade, Sociedade, Economia, Desporto


W3.CSS

28.Jun.18

Falta de princípios religiosos no fomento de casamento prematuros dita o encerramento de uma ceita religiosa na localidade de Campessa no distrito de Angónia na provincial de Tete


Trata-se de uma igreja originária do Malawi que se tinha instalado na localidade de Campessa, cujos princípios, chocavam com as leis do governo moçambicano.

O administrador do Distrito de Angónia em Tete Paulo Sebastião, sem revelar o nome da respetiva igreja, disse que a mesma obrigava as crianças a casar-se com adultos sobre pretexto de ser um sonho divino que não devia ser negado.

Paulo Sebastião afirmou que o comportamento dessa igreja Minava o futuro das meninas daquela localidade e desafiava os princípios do governo moçambicano, dai que a lei foi observada, o que culminou com o encerramento daquela ceita religiosa.
Compartilhar: